Apesar de um verão com altas temperaturas na terra do café e outras dificuldades, as chuvas que vem caindo tem otimizado produtores da região que vivem diretamente da agricultura. na rota pelo o município o blog da barra, visitou algumas propriedades, e registrou o efeito que a chuva troce para as lavouras por onde passamos, era visível o sinal de prosperidade em cada canto que a diversividade de nossa cultura produtiva apresentava. vale lembrar que, devido as mudanças que vem ocorrendo em questão climática na região, vários produtores migraram buscando outras alternativas de renda para se manterem no campo, em relação a falta de politicas públicas, já que 90% de toda renda do município vem diretamente da agricultura.
produtores queixam falta de apoio, e que Barra do Choça vem perdendo espaço para outras regiões produtoras de café como, Ibicoara, mata verde, vila do café, cidades na região sudoeste que estão se destacando justamente pelo suporte em que seus produtores vem recebendo através de programas viabilizados pela secretaria de agricultura de cada município. lembrando que Barra do Choça por vários anos destacava na mídia e realidade, como o município de maior produção do norte nordeste do interior da Bahia, com uma secretaria de agricultura ativa, que estimulava do pequeno ao grande produtor, a produzirem seus produtos com qualidade, captando apoio, realizando eventos, e mantendo uma linha de credito rural com programas em parceria com os bancos do brasil e do nordeste, e setores do governo estadual e federal dando toda condição técnica para investimento na cafeicultura da região. Foram as queixas que o Blog da Barra encontrou na rota pelo o município. aos nossos produtores, fica nosso respeito e admiração pela forma encorajada de não desistir da luta e nem fugir da realidade que renova a esperança a cada dia, em que novos horizontes vão surgir e que a terra do café retome sua força de produzir sem cair..