Tamanha falta de respeito e conscientização de vários carroceiros que vem fazendo uso dentro da cidade do primeiro terreno que encontram pela frente para descartar lixo e entulhos, causando o desencadeamento de uma série de transtornos que se acarreta  em outros problemas relacionados a saúde da população.

Talvez por falta de conscientização ou responsabilidade, mais ao descartar lixo e entulhos em local inapropriado, principalmente em perímetro urbano é infração que prescreve em crime ambiental e atentado contra a saúde pública, onde existem sempre a meio aos descartes material que leva até 600 anos para se decompor no solo a exemplo de fralda descartável dentre outros que chegam até 4 mil anos.

Em Barra do Choça essa prática vem se tornando comum em vários pontos da cidade onde ha terrenos abandonados sem qualquer manutenção ou proteção de seus proprietários,  acabam se transformando em ponto fácil para descarte de lixo e entulhos sem contar com presenças de animais e insetos peçonhentos, ambos transmissores de doenças  aos seres humanos.

Que o poder público através de seus respectivos secretários tomem as devidas providências em termos de fiscalização em notificar os donos de terrenos baldios e os senhores carroceiros também, que haja  conscientização da tamanha gravidade do problema que estão cometendo com o meio ambiente e comprometendo a segurança de saúde  pública de Barra do Choça.

Essa matéria caracteriza em contribuição deste meio de comunicação” Blog da Barra” em defesa da conscientização e preservação do meio ambiente visando o bem está coletivo.