Todas as Rádios Comunitárias no território Brasileiro seguem a mesma legislação do Ministério das Comunicações, tendo como finalidade, o desenvolvimento cultural e artístico do município.

Em Barra do Choça a rádio comunitária nova dimensão fm 104,9, não possui qualquer registro que venha comprovar algum serviço prestado a cultura ou a classe artística, de acordo o que estabelece como propósito a liberação deste veículo de comunicação, afim de que seja explorada a participação comunitária envolvendo todos os segmentos, já que as rádios comunitárias são consideradas pertencentes a comunidade.

Contrariando o regimento do estatuto social, a diretoria da rádio comunitária de Barra do Choça, desviou sua função, dando exclusividade apenas o segmento religioso, transformando o que era pra ser comunitária, em uma rádio evangélica de cunho particular, onde a própria diretória, é formada somente por  pastores, desrespeitando a legislação federal, em que associações ou fundações que operam as rádios comunitárias,  devem ser compostas com vários representantes  da comunidade, não ter vínculos com igrejas, ou partidos políticos.

A mais de dez anos o monopólio se estabelece em um importante veículo de comunicação onde apenas poucos desfrutam de um bem que veio para servir a todos, em nossa serie de matérias continuaremos em busca de respostas e esclarecimentos, sobre o funcionamento da radio comunitária de Barra do Choça! Acompanhe aqui.