O governador da Bahia, Rui Costa, anunciou nesta quarta-feira, 13, que não permitirá mais festas paredão no estado. Segundo o chefe do Executivo baiano, para a realização de festas nas ruas será necessária autorização das prefeituras e comunicação prévia à Polícia Militar.

“Não vamos permitir mais nenhuma festa de paredão na Bahia. Para festas serem realizadas fechando ruas, as prefeituras precisarão autorizar e comunicar à Polícia Militar previamente. Caso não haja autorização prévia, a PM deverá apreender os equipamentos sonoros”, escreveu o governador no Twitter.

A decisão foi anunciada depois da morte de seis pessoas em uma festa paredão, realizada no bairro do Uruguai, em Salvador, entre a noite da última terça-feira, 12, e a madrugada desta quarta. Outras 18 pessoas ficaram feridas. Dois suspeitos foram presos.