Um morador da região do pau brasil zona rural de Barra do Choça que preferiu não- se identificar,  entrou em contato com o Blog da Barra, para expor a dificuldade que vem encontrando para marcar um retorno de consulta médica para sua esposa, que foi diagnosticada com problema no crânio.  Segundo ele afirma no áudio, teve que da um jeito para pagar o exame particular solicitado com urgência pela questão do município não realizar o procedimento pelo SUS.

Após sua esposa ter realizado o exame particular no Hospital Samu em Conquista, iniciou a batalha pela marcação do retorno por meio da central  em Barra do Choça, que já dura cinco meses na espera de uma vaga. No áudio a seguir, o homem faz um desabafo e pede solução já que o caso de sua esposa foi considerado  pelo primeiro médico no atendimento, “caso de urgência.”